Um casamento Indiano

Toda esta viagem para Índia teve um motivo super especial, o casamento de um amigo.

E quer uma experiência de vida mais interessante do que ir a um casamento indiano e na Índia? Não dava para deixar passar esta oportunidade, não é mesmo? E assim fomos vivenciar um casamento bem diferente do nosso.

O casal que estava casando não é da religião mais famosa da Índia, o Hinduísmo, o que nos remete um pouco da história de colonização da Índia pela Grã-Bretanha e por Portugal e que o cristianismo também é bastante forte no país, especialmente no estado de Kerala. Inclusive, é possível ver neste site (clique AQUI), sobre as religiões que podem ser encontradas na Índia.

O casamento Indiano em si é uma grande festa com diversos momentos e dias, teve a festa de noivado (lembrando que os noivos não moram na Índia e sim no Reino Unido), teve uma festa antes da celebração religiosa e tiveram algumas tradições peculiares à eles, mesmo sendo um casamento cristão.

casamento-india-5
As mulheres estavam com os trajes locais, mas os homens, inclusive o noivo, já aderiram ao terno do ocidente.

A noiva estava linda e de branco. Algumas religiões do país não tem noiva de branco, pois acreditam que esta é uma cor que simboliza a morte ou é algo característico das viúvas. Normalmente, as noivas que escolhem o branco para o casamento são cristãs, claro que esta tradição tem sido mudada no decorrer dos anos e que não é mais algo reservado ao cristianismo, e isto tem muita influência do mundo ocidental e suas tradições. Vale, inclusive, salientar, que muitos casamentos indianos trocam o famoso vermelho pelo branco e com direito a bouquet e tudo.

Achei este blog na internet que fala um pouco de como as indianas estão aderindo ao branco nos casamentos, de uma brasileira que casou com um indiano, clique Aqui para ler.

Antes de entrar na igreja, os carros dos noivos chegaram e ficaram parados na porta da igreja um atrás do outro, algo que achei bem diferente do nosso ritual de casamento. O noivo foi buscar a noiva no carro, puderam se ver e entraram juntos na igreja, cada um com suas respectivas famílias, mas sem o mistério de nossa cultura de abrir a porta da igreja e o noivo ver a noiva. Vivendo e aprendendo.

Além do lindo sari banco, durante a cerimônia, que foi realizada na língua local e em inglês (ressaltando que os noivos e boa parte dos familiares e amigos não moram na Índia ou nem nasceram por lá) houve também a parte da “troca de famílias”. Uma familiar da noiva ficou o tempo inteiro atrás dela e após um determinado momento, a irmão do noivo trocou de lugar com ela, para mostrar que a partir de agora a família do noivo e da noiva se entrelaçavam. Claro que este ritual nos faz pensar em muita coisa, considerando que a Índia tem a cultura ainda bem machista latente, que a partir de agora a noiva pertence a família do noivo. Mas, sem relativizar muito e conhecendo os noivos, a partir de agora a família cresceu e a noiva agora tem mais pessoas para cuidar e olhar por ela.

casamento-india-2
A irmã do noivo atrás de um membro da família da noiva. Olha o sari na cabeça da noiva que foi presente do noivo

Outro símbolo deste casamento foi a guirlanda de flores que foram trocadas pelos noivos. A guirlanda funciona como a nossa aliança, um compromisso, unificação das almas. Um simbolismo para reafirmar que mesmo que as flores morram, a vida tem altos e baixos e que o casal estará unido e juntos poderão vencer os desafios da vida. Lindo, né!

casamento-india-3

casamento-india-4
Ritual das Guirlandas

Sabe quando falei que tinha alguém da família da noiva que foi substituída pela irmão do noivo? Então, elas estavam segurando um pedaço de pano colorido na cabeça da noiva e este pano era um lindo e maravilhoso sari, bordado em ouro, que o noivo deu para noiva e que foi usado para a recepção quando a noiva troca de roupa para receber os convidados para o almoço.

O casamento religioso acabou e os noivos saem na frente, seguido por sua família e os convidados e vamos diretamente para o salão da recepção. Taí, algo muito diferente do que eu esperava. Claro que pode ter sido só o casamento deles, mas não tinha música. Tinha algo ao fundo, mas era música ocidental, jogos de luzes. A comida foi servida e metade das pessoas responsáveis pelo buffet estavam em volta da nossa mesa, pois éramos os únicos brancos do recinto, o que claramente indicava que não saberíamos o que estava sendo servido. Pois bem, não sabíamos mesmo! E se na Índia, faça como os indianos. Nos explicaram o que era, mas infelizmente não rolou de comer com a mão, e nos foi arrumado algumas colheres, por não terem garfo e faca. O que foi mais aliviante, foi ver que a noiva também optou pela colher (ufa!).

O almoço foi servido, e os noivos ficaram tirando as fotos e aguardando todos terminarem de comer, pra então fazerem uma apresentação das famílias e começarem as filas para as bençãos, os presentes e uma foto com os noivos.

casamento-india-1
Hora da foto com os noivos. Viu o sari da noiva? Foi aquele que foi dado pelo noivo na cerimônia religiosa

E fim! Assim cada convidado foi seguindo seu rumo.

Nós ainda ficamos um pouco conversando com os noivos, mas a festa já tinha por ali encerrado.

Um casamento indiano, com muitas influências do ocidente, sem deixar de lado as peculiaridades deste tão colorido país.

Se você quiser saber um pouco mais sobre a Índia, tem o blog da Joice que mora no país e sempre relata um pouco sobre a cultura que vivencia em seu dia a dia. (clique AQUI).

Namastê!

 

Anúncios

2 comentários sobre “Um casamento Indiano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s